25 junho 2015

SANTOS MÁXIMO, GUILHERME E ORSÓSIA

O egoísmo não conhece outra norma que não
seja a da especulação do interesse pessoal: a
fraude ao cidadão ou à pátria, o abuso e a 
opressão dos necessitados e humildes, o cálculo
usuário. É conveniente examinarmos se terão 
ficado no nosso coração, algumas raízitas de
egoísmo.
* * * * *
"Se alguém se julga religioso mas não refreia a
sua língua, ilude o seu coração e a sua religião
é vã" (Tgo. 1, 26). As palavras egoístas brotam
de um coração egoísta e o coração egoísta seca
as fontes da vida, dessa vida, que é a graça do
Senhor.*

Abraço de Paz e Fraternidade*
Irmãos em Cristo.*

Josélia Micael

Sem comentários: