26 fevereiro 2014

REFLECTINDO NO CAMINHAR

Diz a esperança:
nasci do seio da morte; e por isso
a morte não pode alcançar-me.
Ainda que milhares de vezes me digas
que está tudo perdido,
milhares de vezes responderei
que ainda vamos a tempo.
Se até agora os êxitos e os fracassos
me foram alternando na tua vida,
a partir de agora o Ressuscitado
vencerá o teu egoísmo,
e florescerá a Primavera
sobre as tuas folhas mortas.

Este é um sinal de sabedoria:
pendurar a nossa esperança
numa estrela guia.
Especialmente quando
a jornada cansa
e o mal nos desafia*

Um Fraterno Abraço
Irmãos em Cristo*
O Sentido da vida

Josélia Micael

Sem comentários: