17 janeiro 2014

O CAMINHO DA VIDA

Tudo parece fatalidade cega.
Desgraças sucessivas caem sobre nós
com tanta surpresa como brutalidade.
A traição espreita-nos por trás das
sombras, e - quem poderia imaginar?
- dentro de nossa própria casa.
Por vezes experimentamos o cansaço da
vida e até sentimos vontade de morrer.
Que se consegue, resistindo aos
impossíveis? Nesses momentos,
cabe-nos agir como Maria: fechar a
boca e ficar em paz. Nós não sabemos
nada. O Pai sabe tudo. Se pudermos
fazer alguma coisa para mudar a
sequência dos acontecimentos,
façamo-la. Mas, para quê lutar contra
as realidades que não podemos mudar?
 
A justiça foi transcendida
pela misericórdia.*
 
Ignacio Larrañaga
 Paz e Bem em Cristo.*
 
Josélia Micael

Sem comentários: