03 setembro 2013

UMA VIDA FELIZ


Uma vez, uma menina saiu de casa e foi dar um passeio.
No caminho encontrou uma borboleta presa pelas asas
numa teia de aranha. A menina compadecida, tirou com
todo o cuidado a borboleta da teia e deixou.a  voar.
A borboleta, quando se sentiu livre, transformou-se
em fada e disse à menina: - Quero agradecer-te o teu
gesto de amor! Diz-me qual é o teu maior desejo e eu
o realizarei. A menina respondeu com sinceridade:
Olha, sabes, o que eu quero mesmo é ser feliz.
Indica-me o caminho da felicidade! 
E a fada sussurrou-lhe ao ouvido e depois 
seguiu o seu caminho voando pelo o céu azul.
Desde aquele momento a menina começou a ser outra.
Ninguém da aldeia era tão feliz como ela.
As pessoas começaram a ficar curiosas e perguntavam-.lhe
qual era o segredo da fada ao que ela dizia não poder revelar .
Assim chegou a velhinha, e era ainda a mulher mais feliz da 
aldeia. Até que um dia a velhinha sorrindo decidiu revelar o
segredo; O que a fada sussurrou ao meu ouvido é muito simples!
Ela disse.me: « mesmo que as pessoas sejam auto-suficientes,
não acredites. Todas necessitam de ti...», porem, para mim foi
o segredo da minha felicidade. E eu vivi sempre com a certeza
e a segurança de que todos necessitavam de mim. Dei-me a 
todos e esse foi o segredo da minha vida feliz.

(Abel Dias)

Meu carinhoso abraço em Cristo Jesus,
e sua Mãe Maria Santíssima.*

Josélia Micael