01 abril 2017

A MINHA ALMA GLORIFICA O SENHOR

Maria, no "Magnificat", une-se em louvor aos pobres
e a grandes figuras do Antigo Testamento:
- a Ana, mãe de Samuel ( 1Sam. 2,1-10);
- a Isaías, o maior dos profetas (1,8-9; 61,10);
- a Lia, escrava que deu um filho a Jacob (Gn. 30,13);
- ao Salmista, cantor de hinos patrióticos e religiosos
  dos israelitas (89,11; 98,3; 103.);
- aos pobres e humildes que procuram
  o Senhor (Sof. 2,3), e a quem é enviado o
  Messias (Is. 61,1).
*
Serei eu cantor ou mendigo de Deus?
*
Senhor, com o meu corpo e o meu espírito quero
louvar-Te: - pela Tua grandeza, pela Tua humildade,
pelo Teu amor, pela Tua paz, pela luz que nos
ilumina, por toda a criação, pela inteligência e pelo
progresso que ofereces aos homens, pela ordem do
mundo, pelos espaços sem fim, pela terra e pelos
céus.
  Com Maria e por Maria, com saúde e na doença,
quero glorificar-Te, Senhor! Ámen.*

Do L. FALAR COM DEUS.

Saúde e Paz para todos,
 no vosso caminho Quaresmal!
Abençoada semana na Luz de Cristo.*

 

 

 


1 comentário:

Roselia Bezerra disse...

Boa noite, querida amiga Josélia!
Muitas vezes, sou apenas mendiga de Deus... preciso maravilhar-me a ponto de ser cantora sempre e permanecer fiel no louvor...
Bjm muito fraterno