12 setembro 2015

ORAÇÃO: RÉQUIEM POR UM SER QUERIDO

Silêncio e paz.
Foi levado ao País da Vida.
Para quê fazer perguntas?
A sua morada, desde agora, é o Descanso,
e a sua veste, a Luz. Para sempre.
Silêncio e paz. Que sabemos nós?


Meu Deus, Senhor da História, dono do ontem e do amanhã, nas Tuas mãos estão as chaves da vida e da morte. Sem nada nos perguntares, levaste-o Contigo para a Morada Santa, e nós fechamos os nossos olhos, baixamos a fronte e dizemos-Te simplesmente: está bem; seja.

Silêncio e paz.

A música ficou submersa em águas profundas e todas as nostalgias gravitam sobre planícies  findadas.
Acabou-se o combate. Para ele já não haverá lágrimas, nem prantos, nem sobressaltos. O Sol brilhará para sempre sobre seu rosto, e uma paz intangível assegurará definitivamente as suas fronteiras. Senhor da vida e dono dos nossos destinos, nas Tuas mãos depositamos silenciosamente este ser querido que nos deixou.

Enquanto, cá em baixo, entregamos à terra os seus restos mortais, que a sua alma imortal repouse para sempre na paz eterna, em Teu coração insondável e amoroso, ó Pai de misericórdia.*

Silêncio e paz. Ámen.*

Ignácio Larrañaga


Desejo a todos um Abençoado final de semana,
na Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo. Ámen.*
Fraterno Abraço Irmãos!


Josélia Micael   Triste!.........

Sem comentários: