15 abril 2014

HOJE PARTILHO O Iº SALMO DA ORAÇÃO DE VÉSPERAS


     Ant. I  Sofri as afrontas e injustiças da multidão,
         mas o Senhor está comigo como forte guerreiro.

É difícil a um rico entrar no reino dos Céus
(Mt. 19,23).

Povos todos escutai, *
habitantes do mundo inteiro, prestai ouvidos,
humildes e poderosos, *
ricos e pobres, todos juntos.

Minha boca proclamará a sabedoria *
e a prudência brotará do meu coração.
Prestarei atenção à parábola *
e vou interpretar o meu enigma ao som da lira.

Porque hei-de inquietar-me nos dias maus, *
quando me cerca a iniquidade dos perseguidores,
dos que confiam na opulência *
e se vangloriam na sua grande riqueza?

O homem não pode pagar o seu resgate. *
não pode pagar a Deus a sua redenção.
É muito caro o resgate da sua vida *
e ele nunca pagará o suficiente,
para prolongar indefinidamente a sua vida *
e não experimentar a corrupção.
Vê que morrem os sábios, *
que perecem igualmente o ignorante e o insensato,
e deixam a outros as suas riquezas.

O túmulo será a sua morada para sempre, *
a sua morada por todas as gerações,
mesmo que tenham dado o nome a muitas terras.
O homem vive na opulência não permanecerá: *
é semelhante aos animais que são abatidos.

Ant.I Não podeis servir a Deus e ao dinheiro.

Abraços Fraternos para todos; Irmãos em Cristo.*

DE COLORES

Josélia Micael

Sem comentários: