23 janeiro 2013

MAIS UM ANO SE PASSOU



Outro ano passou,
e nada ficou diferente,
o tempo p'ra mim parou.
Não há mais nada urgente,
tudo me é indiferente!

O tempo é cruel,
tem dias amargos como fel,
parece até que não existe mel,
e  sentir esta amargura,
é a maior agrura!
Nada mudou no meu ser,
parei no tempo, 
não aprendi a viver!

Começou novo ano,
e tentarei ter mais animo,
e viver, com o que ainda existe,
mesmo assim triste!

Meu coração é minha fortaleza,
 dele vem o balsamo, que me
  dá alento para caminhar...
Preciso acreditar! Ter fé, e lutar,
para vencer a minha tristeza!
e na vida encontrar 
alguma beleza!

Caminharei sempre 
***com o Senhor.***

Josélia Micael