19 junho 2011

PARTILHANDO MEU CAMINHO





AJUDA-ME MINHA MÃE NA MINHA DOR


Quem sou eu e como estou!*
Sou uma mãe como tantas outras, que sentem a dor da perda de um filho.
Utilizo este espaço, como  forma de partilha de sentimentos, que todos nós temos na nossa vida.
Uma vida que nem sempre é fácil de viver... nem mesmo quando estamos com Jesus a nosso lado!*
Há sempre muita dificuldade, em trilhar todos os caminhos, que nos são impostos por Nosso Pai do Céu. Quando se perde um filhinho, nunca se consegue entender o porquê de tão dolorosa perda. Não se encontra uma razão, para que isso nos aconteça. Anda sempre connosco aquela pergunta: Porquê? Porque é que tinha que ser o meu filhinho Senhor? A dor da perda dum filho, é do tamanho do mundo, nunca tem fim! É fogo que fica para sempre, no mosso coração, vai-nos matando aos poucos, a vida deixa de fazer sentido.
Só com Jesus junto de nós, se vai vivendo: Até que ele nos leve também, e então ficaremos unidos para sempre.

 Pai Nosso   Avé Maria *

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Ámen*

Josélia Micael